Comunicado (agradecimentos)

 

ASSUNTO: IMPLANTAÇÃO DAS INSTALAÇÕES METÁLICAS PARA ABRIGAR AS ATIVIDADES LETIVAS DO 1º SEMESTRE DE 2010

 

Encaminhamos à equipe REUNI/Campos, aos colegas dirigentes do Polo de Campos, aos dirigentes do DACOM, ao Prof. Ronconi, Diretor da SAEP, autoridades das Pro-Reitorias e Superintendências da UFF diretamente envolvidas e à equipe/REUNI do Gabinete do Reitor, bem como ao Magnífico Reitor, o e-mail do engº Navarro, da SAEP/DAS, sobre o desfecho da nossa atuação conjunta para viabilizar espaço para o 1º semestre letivo de 2010, acompanhado das seguintes considerações:

 

1.       É uma grande felicidade vivenciar um desfecho exemplar do que é possível quando há um trabalho coletivo voltado para os valores maiores do bem público e dos interesses acadêmicos da Universidade.

2.       Aprendi muito, em termos de democracia, com o processo, embora muito difícil, de articulação entre Movimento Estudantil, Reitoria e Comunidade do Polo de Campos, para resolver o problema das instalações para abrigar as atividades do 1º semestre letivo de 2010.

3.       Ao final, acho que a melhor solução prevaleceu. Agradecemos aos dirigentes estudantis e ao Reitor pelo desfecho. Muito embora tenso e arriscado, conseguimos implementá-lo, porque todos, dos estudantes ao Reitor, estiveram vinte e quatro horas mobilizados para que tudo desse certo.

4.       Não temos palavras para agradecer aos servidores, alunos e professores de Campos, que, mesmo em meio a divergências e confrontos, colocaram os objetivos maiores e mais nobres acima de tudo e somaram esforços igualmente, para que tudo desse certo e enfrentaram uma batalha estafante para que tudo viesse a acontecer em nível de excelência.

5.       Não temos palavras para agradecer ao Grupo de Trabalho montado pelo Reitor para acompanhar o Projeto de Expansão de Campos e que, neste momento, voltou-se todo para que essas instalações dessem certo. É muito raro um Reitor ligar quase diariamente para o seu Grupo de Trabalho e para o Diretor do Polo não só solicitando informações como para desembaraçar procedimentos, com vistas a acelerar o processo e remover obstáculos. Não temos palavras, também para agradecer a todos os órgãos – PROPLAN, SDA, SAEP, DCF, CMAT, PROAC, CPL,  dentre outros – nos quais cada funcionário, cada servidor foi extremamente gentil, diligente e eficaz nos encaminhamento das diversas fases do processo. É impossível citar tantos nomes. Mas, através das chefias, queremos que nossa palavra de profundo agradecimento chegue a cada diretor, chefe, coordenador e servidor, de cada um desses setores, que colaborou em cada etapa desse processo. Não estamos citando nomes para não cometer injustiças e para deixar bem claro que foi um trabalho totalmente coletivo, em que cada um colocou sua gota de suor, compromisso e dedicação.

6.       Cito o exemplo do engº  Navarro que, atuando sob orientação do Prof. Ronconi, não só foi decisivo na garantia da qualidade dos módulos metálicos que estão sendo instalados em Campos, como ainda, por iniciativa própria, obteve da firma instalações adicionais voltadas para a higiene e segurança das instalações, o que demonstra que o esforço tem ido além da atuação burocrática. Os servidores têm vestido a camisa e buscado ir além do que é oferecido. A proposta do Sr. Navarro é que a experiência de Campos se torne parâmetro junto ao MEC para casos excepcionais em que haja problemas de alojamento de instalações universitárias, em períodos de exceção.

7.       Não estamos ainda no momento final, em que os estudantes já estarão bem instalados nas salas de aula das estruturas metálicas, mas o simples cumprimento dos prazos até este momento – algo considerado quase impossível por todos nós – já deve ser celebrado como vitória do trabalho conjunto voltado para o benefício da coletividade. Esperamos saborear o momento final dentro do prazo, qual seja, iniciar as aulas nessas estruturas em 04/04/2010.

8.       Um agradecimento especial à magnífica equipe da PROAC e ao Pro-Reitor de Assuntos Acadêmicos, por proporcionar condições de realizarmos duas semanas de atividades acadêmicas, dentro do Trote Cultural, em tendas que estão permitindo a confraternização diária dos alunos dos 4 cursos de graduação da nossa Unidade/Polo, o que ameniza os impactos negativos do atraso no início das aulas. Nossos professores, juntamente com o Diretório Acadêmico, elaboraram uma programação de alto nível, que vem sendo maciçamente freqüentada pelos alunos.

9.       Todos os demais aspectos da expansão, em curso, quais sejam, a construção do 2º andar de salas de aula, implantação de nova sub-estação de energia elétrica, compra de equipamentos e mobiliário, realização de concursos, dentre outros, têm sido contemplados com o mesmo esforço, compromisso e dedicação, por esses e outros órgãos coma a CPPD/COPEMAG, SRH, e outros.
 
Mas, fica o alerta de que a estrutura que está sendo montada só dá conta das nossas demandas até o primeiro semestre de 2011. Não existe no campus atual nem  na cidade de Campos espaço capaz de abrigar os cursos do nosso Polo a partir do 2º semestre de 2011, o que significa que teremos mais um novo milagre para realizar, que é dar conta da inauguração do novo Campus em agosto/2011.  Finalmente, cabe lembrar que as estruturas metálicas têm que ser provisórias.
 
 
Queremos compartilhar nossa felicidade nesse momento e reiterar nossos compromissos de lutar para que tudo funcione já no dia 05/04 e para que as próximas etapas sejam cumpridas. Que as chefias façam chegar aos nossos colegas servidores nosso mais profundo agradecimento.
 
Obrigado, em nome das Direções do Polo e da Unidade da UFF/Campos.

José Luis  – Diretor do PUCG
Leda Barros – Diretora do ESR
Antenora Siqueira – Vice-Diretora do ESR.
 

 

Desenvolvido e mantido pelo STIC do PUCG | Fale Conosco